quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Corpo Primitivo

Estromatólitos

Bactérias com corpos: procariotos multicelulares
Post bem intuitivo e didático falando de seres que provavelmente existem na Terra há bilhões de anos e que desenvolveram uma técnica para viverem juntos, multicelularmente falando. Esses são as cianobactérias, elas são capazes de cumprir todos os requisitos necessários para classificarmos um ser como formado por várias células, mais precisamente a autora fala do heterocisto, célula que impede que o oxigênio atravesse sua membrana e, nesse meio intracelular sem O2, é capaz de fixar nitrogênio para as células vizinhas, que então fornecem os produtos da respiração para ela, assim obrigatoriamente elas devem viver fisicamente juntas, tem formas diferentes e dependem uma da outra Muito legal e simples, outro exemplo de como os seres vivos, mesmo os mais primitivos, podem nos surpreender.

2 comentários:

GuH! disse...

Há um bom tempo atrás (2007) saiu uma pesquisa da Unicamp sobre bactérias multicelulares. Achei intrigante demais para ser só uma "pesquisazinha" que eu ando vendo por aí, então decidi colocar nos "Meus Favoritos".
Não se tratam das mesmas deste post. São outras, e brasileiras, encontradas no fundo de um lago no Rio de Janeiro.
Perceberam que era um amontoado de 20 células procarióticas que viviam exclusivamente e necessariamente unidas. E além disso, apresentavam pequenos cristais de magnetita, aquele óxido de ferro (Fe3O4) cuja característica principal é o campo magnético gerado. Daí então uniram-se a física, a biologia e a química para estudar essa bactéria muito doida. Haha!
Vou deixar o link da pesquisa: http://www.labjor.unicamp.br/midiaciencia/article.php3?id_article=467

E professor, falando em Unicamp, fui superbem na prova da primeira fase! Quero muito essa universidade! E agradeço desde já (e bem antecipadamente, mas nunca é tarde pra comemorar) a sua parte nessa minha pré-conquista! Obrigado, e um abraço!

Vinícius Camargo Penteado disse...

Brigado Gustavo, já estava sentindo falta dos seus comentários. To na maior torcida por você, se tudo sair como os conformes só teremos boas notícias ano que vem.
Grande abraço